domingo, 6 de fevereiro de 2011

Exagero





Descobri que tenho compulsão por comprar DVD's pirata. Explicando, aqui em Xangai não existe locadora e a TV aberta só tem um canal com filme em inglês, por isso, todo mundo aqui compra DVD pirata.

Eu sempre compro DVD no tio da esquina (e pago 1 reals), mas hoje descobri o paraíso. Faz tempo que quero ir em uma loja que vi em uma revista que tem uma grande seleção de DVD's, mas tinha anotado o endereço não sabia onde. Hoje por acaso achei a loja e comprei 8 filmes e duas caixas de seriado ('Sex and the City' e 'Seinfeld', porque, né... vai que tem algum episódio que eu ainda não vi). Só que como essa loja fica na French Concession (um bairro chique tipo 'Jardins'), eu paguei 4 reals em cada filme - os seriados foram mais caros, mesmo porque a caixa do Seinfeld tem 32 DVDs. Tirando as séries, tenho aproximadamente uns 100 DVD's em casa.

Estou mais pobre mas estou feliz. Agora eu posso assistir de novo e de novo (e de novo) os filmes que eu mais gosto e que já assisti trocentas vezes - como diz a minha mãe, os 'filmes encosto'. Comprei (e forcei o Bello a assistir) o 'Brilho eterno de uma mente sem lembranças' , o 'Guia do mochileiro das galáxias', e outras preciosidades. Estou muito feliz.

Pra melhorar a loja fica ao lado do único cabeleireiro de Xangai que sabe fazer escova em cabelo pixaim (mais uns reals) e do meu restaurante Mexicano favorito, o Cantina Agave.

Queria que a minha amiga Rê estivesse aqui pra ir comigo nesse mexicano. Cara, é muito bom. Fui lá umas quatro vezes e sempre como a mesma coisa: o burrito de carne assada. Hoje eu descobri que eles fazem o tal burrito em tamanho 'papito'. Eu fui lá às 3 da tarde, varada de fome, e não consegui terminar o prato de tão grande que era. E olha que eu me esforcei bastante. Foi o melhor prato mexicano que já comi. E sabe o que descobri? Que de final de semana das 11:00 às 15:00 tem ótimas opções de brunch e por 20 reais tem open bar de margarita! Definitivamente voltarei para aproveitar as margaritas e provar os 'ovos divorciados' ("dois ovos 'divorciados' por salsa e guacamole, servidos com carne assada, pasta de feijão e arroz à espanhola").

Exagero?

Tá certo que depois de ver uma foto minha essa semana parecendo um bolinho-de-ovo eu vou começar mais uma dieta amanhã (segunda-feira é pra isso), mas domingo é ou não é o dia-internacional-do-pé-na-jaca? #mexicanopooode

Frô

3 comentários:

Cris João disse...

Eu tb tenho filmes encosto! Adoro esses dois que vc falou, mas os meus são: Amelie Poulain (clichê), Diários de Motocicleta e O Diabo Veste Prada (clichezasso!). E eu tb quero ir no mexicano. :)

ReBittencourt disse...

Amiga, saudades das nossas orgias gastronomicas no "El Kabong".
Vc sabe o quanto eu gosto de comida mexicana né. Come ai por mim e quando vier a gente mata a saudade regada a margarita
Bjs

Paula disse...

Frio, eu tb adoro Seinfeld e Sex in the City... Mas não curto comida mexicana a não ser a pimenta jalapeno que eu caio matando... Falta de hábito e de grana! Aqui em Sampa tudo é caro, moça!!

beijo