domingo, 5 de dezembro de 2010

Nova amizade


Alguns dos meus amigos estão deixando Xangai. Uns pelo fim da Expo e fim do contrato de trabalho, outros pelo fim da paciência para se adaptar a cultura chinesa, outros só por saudades do país natal.

Muitos já foram, inclusive a minha melhor amiga alemã.

Por isso tenho me esforçado em fazer novos amigos. Por isso e por causa da frase "não vamos ficar juntos pra sempre" (sim, ainda estou com o eco na minha cabeça).

Mas por incrível que pareça, não é fácil para mim fazer novos amigos. Não, eu não sou tímida. Eu sou até bem falante, inteligente, interessante (e modesta). Mas eu tenho essa cara emburrada que no começo as pessoas ficam meio com o pé atrás. É normal eu ouvir das minhas amigas que elas gostam de mim agora, mas quando me conheceram não gostavam, não.

No escritório acho um pouco difícil. Gosto de todo mundo lá mas acho que as pessoas tem estilos diferentes do meu, sei lá, não encaixa. Tem uma francesa que tem quase a minha idade, mas ela é toda ligada em artes, em 'vernissage' e tals. Fui no aniversário dela na semana passada, e todos os amigos dela são franceses (e todos falavam só em Francês a noite toda - uma falta de educação comigo). E eles saem pra beber vinho. Eu gosto de vinho, mas eu sou do tipo que saio pra beber cerveja, se é que você me entende.

Mas conheci uma pessoa muito legal no Couchsurfing. Uma italiana super gente boa que chegou em Xangai há dois meses. Ela se integrou tão bem nessa terrinha de olho puxado que até impressiona. Já fez vários amigos, viajou para lugares interessantes e o mandarim dela já está melhor que o meu. Ela é descomplicada, daquele tipo que topa uma balada furada, um jantar bacana ou aqueles eventos meio 'sociais' que você 'tem que ir'.

Acredito estar nascendo uma nova amizade. É gozado ver isso, notar e sentir quando a amizade começa. É como ser espectadora da minha própria história.

Espectadora, escritora, diretora e narradora, já que eu sempre venho aqui contar pra vocês.

Um abraço sua nova amiga quase chinesa,

Frô.

Um comentário:

Cris João disse...

Ah Lu, vc é super de boa pra fazer amigos, só deve estar um pouco pisando em ovos aí. Pensa que esqueci o dia que estávamos na vila e vc levantou pra chamar dois mocinhos pra nossa mesa? Um dia, quem sabe, chego lá.